Fogo e essência

objetos--fundo-preto--vela-acesa--velas_350469
Tal como o fogo se consome, gosto de me consumir por inteiro, quero dizer, gosto de fazer as coisas com intensão – no sentido de intenso, profundo e verdadeiro. Aquela coisa que nos toma o ar, que nos domina a alma; fazer as coisas como se amanhã não fosse outro dia.
E gosto desta ideia: ser consumida inteiramente! Dar-se sem restrições, sem que sobre uma migalha. E exaurir-me até a exaustão. Um compromisso diário de fazer tudo completo. Mas ao que chamo compromisso, outros dão os nomes de exagero ou loucura ou excesso.
Então tá bom! Nesta minha loucura, eu sou inteira, faço inteiro e quero inteiro e em tudo o que executo! Porque deixar pela metade ou fazer mal feito é ter a necessidade de repetir, e refazer é perda deste tempo tão escasso que esvai e quase não tenho.
E dentro desta rotina de fazer tudo por inteiro, criei minha própria liberdade, adquiri minha própria essência e construi a minha identidade.
E mesmo assim,completa e inteira, preciso de você – e não me diminui em nada em dizê-lo, pois te necessito não para ser feliz, não para me tornar eu mesma. Preciso de você porque você me complementa, me acrescenta, me fazer uma mulher mais madura, linda, segura e certa de que sim: sou plena dentro das nossas diferenças. Assim como o fogo precisa do ar e jamais perde sua essência.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s